Essa mulher tem força

Bom dia meus amores!

É dia 7 de Abril – Dia da Mulher Moçambicana! Está data ganhou uma nova importância para mim num certo dia quando li e aprendi com a história de Josina Machel ajudando a minha prima num trabalho da escola. Confesso, que até esse dia, eu não entendia muito bem a importancia dessa data e orgulho que ela carrega.

Josina foi uma jovem mulher, uma menina, que não se contentou em apenas existir, mas foi a luta com as suas próprias mãos por um país livre e independente do colonialismo. Nessa luta, Josina lutou também pela igualidade dos direitos da mulher na sociedade e na luta pela libertação. Mas nem por isso ela deixou de ser mulher; casou-se, teve um filho, deu-se sem medidas, amou, amou muito e cuidou dos seus e dos outros através de projectos sociais. Josina morreu aos 25 anos no dia 7 de Abril de 1971, mas em tão pouco tempo tocou e mudou a vida de uma sociedade. Tão jovem, tão linda, tão humana, tão mulher, tão forte. Não tem como não se orgulhar e se inspirar em Josina como mulher, a dar o meu melhor, ir à luta no mundo dos homens sem deixar de ser mulher, conquistando o meu espaço com amor e fazer valer a luta dela, e de todas as outras mulheres que lutaram pela a nossa independência e emancipação. Se hoje eu posso ser e posso fazer tudo que posso e quero, devo isso a Josina e todas as outras mulheres que vieram primeiro e mudaram a nossa história para sempre com a sua luta.

Feliz dia da mulher para as minhas Moçambicanas. Escolhi as fotos deste editorial que fiz com o fotografo Moçambicano Marcos Mbocaze em Maputo no Mercado Central para desejar-vos um feliz dia da Mulher Moçambicana.  Como todos os mercados em Moçambique, o Mercado Central é um lugar onde mulheres (e homens) dão o seu melhor, acordando cedo e batalhando para sustentar as suas famílias de maneira humilde e honesta – a essencia da verdadeira Mulher Moçambicana!

Agradecimento especial ao meu Tio Zeferino por ter feito da sua banca meu closet neste dia hahaha, meu primo Jaime pelo carinho, e a todas a mamas e papas (irmãos e irmãs)  que abriram o seu espaço para fazermos estás fotos. Foi mil!!!! Marcos obrigado sempre por acreditares neste conceito e embarcares nele comigo. Tem muito mais!!! Fiquem ligados e não se esqueçam de subscrever a página e claro deixar o vosso comentário e compartilharem o post sempre!

Bisou Bisou!

 

1 Comment

  1. Paloma Mambelo
    April 9, 2018 / 2:57 am

    Wow, loved reading and beautiful pictures

Leave a Reply

Your email address will not be published.